De Harold Schechter e Eric Powell: Ed Gein

A Darkseid Books lança no início de maio Ed Gein, graphic novel com roteiro escrito por Harold Schechter (autor do livro Anatomia do Mal) e ilustrada por Eric Powell (The Goon). O trabalho foi publicado originalmente nos Estados Unidos ano passado pela Albatross Funnybooks, editora do próprio Powell.

Um psicopata brutal. Uma série de assassinatos macabros. E um true crime tão perturbador que esgarçou os limites da realidade para ser eternizado na ficção de horror. A obra é uma exploração profunda das origens do assassino necrófilo que assombrou os sonhos da América dos anos 1950. Ed Gein assassinou e desmembrou mulheres e, de forma particularmente macabra, arrombou túmulos e roubou cadáveres para confeccionar máscaras com suas peles, enfeites com seus membros e utensílios de cozinha com seus ossos.

O roteiro de Schechter, especialista em crimes históricos e em perfis de assassinos seriais, e a arte de Powell juntam pesquisa e narrativa de quadrinhos com maestria para produzir uma biografia sobre Ed Gein, um psicopata real que, por caminhos improváveis, ganhou uma sinistra relevância cultural na ficção do século XX.

Inspirado na história real de Ed Gein, Robert Bloch escreveu seu clássico Psicose, adaptado para o cinema por Alfred Hitchcock. Não bastasse a relação com o Mestre do Suspense, Gein ainda influenciou outros personagens marcantes da ficção de horror, como Leatherface, do filme O Massacre da Serra Elétrica, de Tobe Hooper, e Buffalo Bill, do romance O Silêncio dos Inocentes (1988), de Thomas Harris.

A pesquisa de Schechter, que organiza magistralmente todas essas informações, é transposta em imagens pela mão habilidosa de Powell. Um quadrinista inteligente na narrativa e de grande poder expressivo, Eric Powell acentua os elementos mais sombrios e chocantes da história de Gein, transformando crime real em uma poderosa e inescapável narrativa de horror.

Uma reflexão poderosa sobre o que pode levar uma pessoa a cometer tais atrocidades, e que ajuda a compreender o fascínio obscuro que esse personagem tão singular e sombrio ganhou na história americana e na cultura pop.

Originalmente em Did You Hear What Eddie Gein Done? (2021). Capa dura com 224 páginas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: